terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Quem nunca ouviu o evangelho pode ser salvo?


É um tema complicado, a maioria dos que perguntam isso é pensando em seus familiares e conhecidos que já partiram sem conhecer o evangelho, apesar de ser complicado mas é possível chegar a uma conclusão. Vamos analisar.

 As pessoas serão julgadas de acordo com a luz que recebeu de Deus. Deus sempre teve formas de se revelar aos homens, mesmo quem nunca ouviu o evangelho não é inocente diante de Deus por alguns motivos:

 Existe o conhecimento moral que Deus dá a todos ser humano, mesmo aquele que nunca leu a Bíblia sabe que não pode matar, roubar, adulterar, mentir, desejar o mal aos outros e etc... Além desse conhecimento moral Deus se revela a todo ser humano, Deus se revela ao homem pelas coisas que foram criadas .

 (Romanos 1.20) Porquê as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder como a sua divindade, se entendem e claramente se verem pelas coisas que estão criadas para que eles fiquem inescusáveis.

 Na tradução NVI diz indesculpáveis no lugar de inescusáveis. Através das coisas que foram criadas o ser humano deve crer que Deus existe e foi ele que tudo criou e também na sua existência,quem não crer não é inocente diante de Deus e será condenado. Paulo disse em um discurso: O Deus que fez o mundo e tudo que nele há...(Atos 17.24)

 Guarde este princípio: O ser humano será julgado de acordo com a luz que recebeu de Deus,a medida que Deus se revela ao homem,mas ele será cobrado, quem muito for dado muito será cobrado. Quem vive no pecado não é inocente diante de Deus, o homem é responsável diante de Deus pelos seus pecados e não existe salvação fora do Evangelho, quem morrer no pecado será condenado.

 (Romanos 2.12) Porque todos os que Sem Lei pecaram, sem Lei também perecerão, e todos que sob a lei pecaram, pela lei serão julgados. A lei que se refere aqui não é a lei do velho testamento, mas a lei de Deus, a sua palavra, o evangelho.

Todo aquele que continuar no pecado mesmo sem ter conhecimento de Deus não será salvo porque até certo ponto todos têm uma certa medida de conhecimento do certo e do errado, através disto a pessoa deverá ter interesse em conhecer a Deus e sua vontade. Em (Romanos 1.28) diz sobre alguns que não se importaram em ter o conhecimento de Deus e foram abandodos por ele para fazerem coisas que não convém.

  Agora (Lucas 12.47-48) E o servo que soube a vontade do seu senhor e não se aprontou, nem fez conforme a sua vontade, será castigado com muitos açoites. Mas o que a não soube e fez coisas dignas de açoite, com poucos açoites será castigado. 

  Quem conheceu o evangelho e não obedeceu será condenado da mesma forma que aquele que não conheceu e viveu no pecado, a diferença será no sofrimento que será maior para quem conheceu e não obedeceu.

 (Salmo 9:17) diz os ímpios serão lançados no inferno e todas as pessoas que se esquecem de Deus. Veja que fala de duas classes de pessoas,as que conhecem a Deus e os que não conhecem mas ambos viveram no pecado. Se esquecem de Deus pode incluir os desviados. Então tanto aqueles que se desviaram do evangelho, aqueles que ouviram,creram mas não obedeceram e aqueles que nunca ouviram mas viveram no pecados serão todos condenados.

 Não existe salvação fora do evangelho e nem por outros métodos, pelas obras por exemplo. Deus em todos os tempos teve sua forma de tratar com o homem, na atual dispensação da Graça a qual vivemos desde Atos 2, a ordem de Deus é que todo homem reconheça que é pecador, confesse a Cristo seus pecados e siga o evangelho sob pena de Condenação eterna. Todo homem nasce com a natureza pecaminosa herdade de Adão e se desenvolve conforme alcança maturidade, daí então deverá reconhecer que é pecador e confessar a Cristo seus pecados e viver de acordo com o evangelho,caso contrário não será salvo.

Autor:Edinilson Aparecido

Pesquisar este blog