segunda-feira, 4 de julho de 2016

Como fazer a vontade de Deus se a carne é fraca?

 

(Mateus 26.41) Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; na verdade, o espírito está pronto, mas a carne é fraca.

Notamos que essa passagem é para convertidos e não para incrédulos,a pessoa que não serve a Deus não vai vigiar,nem orar para não cair nas tentações pecaminosas. 

Deixo claro uma coisa,essa passagem não pode ser usado como desculpa para pecar,do tipo pequei por que a carne é fraca.Essa desculpa cai por terra quando examinamos algumas passagens bíblicas.

Vamos ver (Romanos 5.20...onde abundou o pecado,superabundou a graça). graça aqui significa favor imerecido que inclui força para orar,ler a bíblia,força para resistir o pecado.etc...

A desculpa de que pequei porque a carne é fraca não será aceita por Deus pois a bíblia diz que Deus não deixará sermos tentados além do que podemos suportar (1 Coríntios 10.13) se baseando nessa passagem e a de Romanos 5.20 podemos entender que onde o pecado prolifera a graça de Deus é sempre maior na vida do cristão convertido.

Todo cristão convertido está sujeito a cometer deslizes devido a sua natureza pecaminosa herdada de Adão (Romanos 5.12/Salmos 51.5).

O pecado que os incrédulos cometem é voluntário,ou seja,é premeditado e sem se importar se isso ou aquilo desagrada a Deus ou não.O cristão está sujeito a cometer deslizes devido as suas fraquezas,mas Deus que não se deixa escarnecer,ele sabe as intenções do coração da pessoa.A bíblia cita homens de Deus do passado que cometeram erros,mas também cita as consequências que eles sofreram.

A bíblia cita a lei da semeadura,o homem colhe o que planta  (Gálatas 6.7-8  )Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará.
 Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna.

O cristão professo não pode justificar seu pecado com a desculpa de que ele simplesmente é humano.
Ficou claro nos textos citados que o Espírito Santo nos dá graça suficiente para resistirmos e vencermos todas as tentações.

O cristão que se cede as tentações é porque está em pecado e não tem a graça de Cristo suficiente para resistir ou se tinha ele simplesmente se cedeu a algo que ele deseja. 

Então temos que nos cuidarmos com o mau chamado pecado pois se pecarmos Deus nos perdoará (1 João 2.1) mas quais serão as consequências? existem consequências que conseguimos nos livrar,mas existem consequências que vão mais além,e algumas delas são irreversíveis.Vejam o caso de Davi,Sansão e Noé,eles erraram e Deus os perdoou,mas as consequências que cada um deles sofreu deixaram marcas para sempre.

Autor:Edinilson Aparecido

Pesquisar este blog