segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Precisamos guardar a lei do velho testamento?

 

Ainda existem uma certa confusão por parte de algumas pessoas acerca da lei,em nossos dias já não era mais para ter esse tipo de confusão, pois vivemos nos Tempos da graça.

 No começo da Igreja primitiva, ainda havia uma certa confusão acerca disso, mas isso foi no começo do cristianismo,mas hoje já não poderia mais haver esse tipo de confusão.

 Veja em (Atos 15) onde diz que alguns dos novos convertidos entre os primeiros cristãos acreditavam que para ser salvo ainda era necessário a circuncisão e a guarda da lei de Moisés, no verso 10 e 11 os apóstolos afirmaram que o povo do velho testamento também seriam salvos pela graça semelhante a eles e a nós de nossos dias.

 (Atos 15.10-11) Agora pois porque tentar is a Deus, pondo sobre a serviço dos discípulos um jogo que nem nossos pais nem nós podemos suportar? mas cremos que seremos salvos pela graça do Senhor Jesus Cristo como eles também.

 Aqueles que defendem a guarda de alguns preceitos da lei, dizem que Jesus disse em Mateus (5.17) que ele não veio destruir a lei, mas cumpri-la. É exatamente isso, Jesus veio cumprir a lei e não destruí-la.

 Vou dar uma pequena explicação acerca da lei. A lei era dividida em três partes, civil, cerimonial, e moral.

 A lei civil tratava da área jurídica e social de Israel.
 A lei cerimonial tratava da forma e do ritual da adoração ao senhor por Israel, inclusive o sistema sacrificial.
 A lei moral eram regras dadas por Deus para um santo viver na sua presença.

Os dez mandamentos é um resumo da Lei moral de Deus, ela descreve as obrigações para com Deus e ao próximo.

 O que está escrito no velho testamento para valer no novo tem que estar escrito ou ter base bíblica no novo testamento.

Os dez mandamentos devem ser guardados somente onde trata das questões moral, como não furtarás, não adulterarás, honra seu pai e sua mãe, não cobiçarás a mulher do teu próximo, não dirás falso testemunho.

 Esses mandamentos devem ser guardados para toda a vida pois influi diretamente na salvação do homem, quem não guardar apenas um desses mandamentos perderá a salvação.

 A lei tinha mais de trezentos mandamentos e ordenanças que nunca foram dado como meio de salvação, mas para mostrar ao homem que ele era pecador e precisava de um Salvador que era Jesus Cristo.

 Em (Romanos 3:20) está escrito que nenhuma carne será justificada pelas obras da lei.
 Em (Gálatas 2.16) diz:sabendo que o homem não será justificado pelas obras da lei.
 Ninguém guardou a lei.

Jesus veio cumprir a lei que era algo impossível ao homem, é impossível alguém ser salvo pela lei .

(Tiago 2.10) está escrito: porque qualquer que guardar toda a lei e tropeçar em um só ponto tornou-se culpado de todos.

 Se alguém julga observar algum preceito da lei,mas com certeza absoluta em outro ponto ele tropeça, por exemplo: não matarás ou não furtarás, isso até pode ser fácil, mas não cobiçarás, aí já fala de algo que está no coração do homem, aqui prova mais uma vez que é impossível guardar a lei sem tropeçar, a cobiça é algo que a pessoa pode cometer sem mesmo perceber,é algo instantâneo que quando a pessoa for ver já terá cometido.

Jesus disse em (Mateus 5.28) eu porém,vos digo que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar já em seu coração cometeu adultério com ela.

Aqui prova que precisamos que precisamos da graça de Cristo para sermos salvos.O que Cristo condenou aqui não é um pensamento repentino que pode surgir na mente de uma pessoa,principalmente hoje em um mundo erotizado onde em muitos sites,revistas,e até mesmo na rua tem mulheres semi nuas ou com roupas expondo seu corpo e causando desejos impuros nos homens.

Isso se trata de uma cobiça carnal,pensamentos cobiçosos aprovado pela pessoa,pensamentos de cobiça que a pessoa realizaria caso tivesse chance.Pensamentos imorais imaginado e não resistido é pecado.Jesus quis dizer que algo já é pecado ainda que a pessoa só esteja pensando.Adultério mental. 

 Paulo percebeu que era impossível um homem guardar toda a lei.( Romanos 7.7) que diremos pois?, É a lei pecado? de modo nenhum! mas eu não conhecia o pecado se não pela lei; porque eu não conhecia a concupiscência, se a lei não dissesse: não cobiçarás.

Nos dias de hoje em que vivemos debaixo da graça de Cristo e não sobre os preceitos da lei, devemos guardar somente a lei moral conforme já citado.Conforme já tinha dito,o que está escrito no velho testamento para valer no novo tem que estar escrito ou deve ter base bíblica também no novo testamento.

Além da lei moral já citado,devemos guardar o que está escrito em (Atos 15.29) que não devemos comer carne sufocada,sangue de animal e coisas oferecidas ou sacrificadas a ídolos.

Em (Colossenses 2.16) diz que ninguém vos julgue pelo comer (exceto carne sufocada e o sangue citado em Atos 15.29) ou pelo beber,ou por causa dos dias de festa,ou da lua nova,ou dos sábados.

A lei mostrou o que era pecado e nos conduziu a Cristo.

Autor:Edinilson Queiroz 

Pesquisar este blog