quarta-feira, 19 de abril de 2017

O que acho do dom de línguas estranhas?


Nós pentecostais acreditamos sim no dom de línguas estranhas como uma língua que só Deus conhece.Tem aqueles que dizem que no dia de Pentecostes foram falados apenas idiomas,mas no dia de Pentecostes foi falado idioma sim,mas também houve manifestações espirituais sobrenaturais,podemos afirmar isso por causa do discurso de Pedro naquele dia (Atos 2.17-18) Mas isto é o que foi dito pelo profeta Joel e nos últimos dias acontecerá, diz Deus, que do meu espírito derramarei sobre toda a carne; e os vossos filhos e as vossas filhas profetizarão, os vossos jovens terão visões, e os nossos velhos sonharão sonhos; e também do meu espírito derramarei sobre os meus servos e minhas servas, naqueles dias, e profetizarão.

Veja que no verso 13 alguns estavam alegando que estavam bêbados,ninguém irá alegar que alguém está bêbado se ouvir a pessoa falando algum idioma,eu não sei falar em outros idiomas,mas se alguém falar qualquer idioma perto de mim eu jamais vou confundir com um bêbado.

No dia de Pentecostes foram falados idiomas para que todos pudessem entender o que os apóstolos estavam falando,mas existe as línguas estranhas que não são esses idiomas.

Vejamos um exemplo em (Atos 10) na casa de Cornélio,nos (versos 44 ao 46) diz que eles receberam o dom do Espírito Santo,e no verso 46 diz que eles falaram em línguas.A pergunta que faço é:se essa língua estranha é idioma,então porque falaram idioma se não tinha nenhum estrangeiro naquela hora? falaram em idioma para quem? se no dia de Pentecostes houve necessidade,na casa de Cornélio não hoje. 

 Essa língua pode ser atualmente falada (Atos 2.6) e pode ser uma língua que somente Deus entende.Será se só Deus entende idioma? Claro que não!.

Vamos ver (1 Coríntios 14.2)  Porque o que fala língua estranha não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, em espírito fala de Mistérios. 

Será se só Deus entende idioma pois o versículo diz que essa língua só Deus entende.

Então o dom de língua estranha existe, mas não é usado conforme a Bíblia ensina, Paulo orientou a falar em língua estranha em voz alta somente se houver intérprete para a edificação da igreja, se não houver interprete deverá falar consigo mesmo para edificação própria. Vamos fazer uma análise.

 (1 Coríntios 14.2)  Porque o que fala língua estranha não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, em espírito fala de Mistérios.Essa língua não é idioma.

(1 Coríntios 14.4) O que fala língua estranha edifica-se a si mesmo,mas o que profetiza edifica a igreja.

Ninguém vai edificar sua vida espiritual falando inglês,espanhol ou alemão,uma vez que a edificação espiritual falando em língua é só para convertidos,e já idiomas qualquer pessoa pode fazer um curso e aprender a falar.

A língua estranha edifica somente a vida espiritual de quem fala pois é uma língua que ninguém entende,a não ser que haja interprete (1 Coríntios 14.5).

Agora (1 Coríntios 14.27-28) E se alguém falar língua estranha,faça-se isso por dois ou, quando muito, três, e por sua vez, e haja intérprete.
Mas, se não houver intérprete, esteja calado na igreja e fale consigo mesmo e com Deus.

Então aqui mostra que a língua estranha edifica a si mesmo,só edifica a igreja se houver interprete,se não houver interprete deverá falar em voz baixa para a sua própria edificação..Deve ser falado duas ou quando muito três pessoas.

Pelo menos eu nunca vi esse dom ser usado na igreja conforme Paulo ensinou,eu sou do meio Pentecostal e nunca vi dessa forma,já muitos atrapalharem o culto não apenas se referindo a linguás mas também com rodopios,pulos.etc... que atrapalha e desvia a atenção da pregação.Se alguém perguntar o que isso significa não tem resposta bíblia,somente argumentos infundados.

Paulo orientou muito a igreja de Coríntio acerca da necessidade de ordem no culto,mas ainda nos dias de hoje muitos mesmo lendo não conseguem entender.

Mas se alguém não usar os dons de acordo com que Paulo ensinou,não significa que a língua estranha não seja de Deus,a língua estranha pode ser,mas os excessos cometidos podem ser coisas da carne,meninice mesmo,como rodopios e cair no chão.

Todos os dons espirituais,não apenas a língua estranha,são dados apenas para pessoas que tenham comunhão com Deus em (Atos 5.32) está escrito que Deus da o Espírito Santo aqueles que lhe obedecem.

Em (Atos 2.38) diz que a pessoa deve se arrepender de seus pecados,se batizar nas águas e receber o dom do Espírito Santo.

Os dons servem para a edificação própria,da igreja e para contribuir para a salvação de almas através de curas,libertações e pregação do evangelho.Na nova aliança todos os crentes genuinamente convertido tem o Espírito Santo que os capacita para evangelizar os perdidos. 

Uma pessoa que tem o Espírito Santo é conhecida pelos seus frutos e não por manifestações pois nem todas manifestações significa que realmente venha do Espírito Santo.(Mateus 7.17-20)

A igreja verdadeira também é conhecida pelos seus frutos e não por manifestações espirituais que podem ser milagres cair no espírito e outros.A bíblia manda provar os espíritos (1João 4.1) provar os espíritos significa provar todo ensino e manifestações para ver se estão em conformidade com a Bíblia.
Nem todos pastores que realizam milagres e libertações serão salvos (Mateus 7.2123).

Autor:Edinilson Aparecido 









Pesquisar este blog