quarta-feira, 4 de outubro de 2017

É correto divulgar igreja? - A bíblia responde

 

Isso deve ser avaliado pois na bíblia nem ao menos existia igreja para divulgar. A bíblia nunca citou placa denominacional como vemos hoje. A bíblia nunca citou igrejas ou instituições religiosas como vemos hoje, onde existem várias igrejas e muitas delas tem a doutrina diferente uma das outras e cada uma diz que a sua que é a certa. Existiam seitas religiosas como os Fariseus e saduceus. Exisitam falsos profetas que distorciam a palavra com segundas intenções de atrair o povo para si ,da mesma que existe hoje e sempre vai existir.

O que vemos na mídia hoje são igreja semelhantes a partido político. Talvez você já tenha percebido que muitas igrejas por aí se auto intitulam a igreja verdadeira, a única que tem a doutrina de Cristo, outras se apoiam em algum tipo de doutrina e dizem que é a verdadeira, outras se apoiam em milagres e fazem propaganda na TV, na internet, no rádio para as pessoas irem lá receberem o milagre.

 Tudo isso é semelhante a partidos políticos,cada partido diz que o seu é o melhor e apontam o erro dos outros, isso você em horário político principalmente em tempos de eleição. É o mesmo que acontecem em muitas igrejas, uma apontando o erro das outras para dizer que a dele é que está certo fazendo o mesmo papel dos fariseus.

 Ao invés de apresentar o evangelho, apresentam ideias e interpretações que muitas vezes em nada contribui para a salvação de ninguém e chamam isso de evangelho. Um evangelho adaptado as suas crenças e doutrinas, e muitos desses apresentam um cristianismo adaptado aos padrões do mundo para serem reconhecidos e aceitos por eles.

Muitas igrejas dão mais valor as experiências do que ao evangelho,dão mais valor aos sinais e as manifestações do que ao evangelho como se essas coisas identificassem uma igreja como sendo verdadeira, somente pelos sinais e não pelos ensinos.

 Dão mais valor aos seus líderes os apresentando como grandes personagens pois apresentam certos milagres onde muitos deles são irreais sem ter como provar a veracidade, bem diferente da bíblia que eram milagres reais, o aleijado que se levantou, o acamado que se levantou, o mudo que falou, o cego que ouviu, o morto que ressuscitou. Ouça esses testemunhos pela TV e depois compare com os da bíblia para você ver. Leve um surdo, um mudo e um aleijado para eles e você vai o que vai acontecer, ou melhor, o que não vai acontecer.

Membros de igrejas que viraram massa de manobra nas mãos de manipuladores. Pessoas facilmente manipuladas. Da mesma forma que políticos querem as pessoas sejam leigas para serem facilmente manipuladas, muitas igrejas também querem que pessoas sejam leigas na bíblia também para serem manipuladas.

Usam a mídia prometendo milagres que nunca vão se cumprir. A honra vai tudo para a igreja e seus líderes como se tudo acontecesse porque foi dentro de tal igreja e através do pastor, do bispo ou do apóstolo fulano. Isso você facilmente na mídia.

Dizer que é pecado ou errado divulgar igreja, isso vai depender da forma e da intenção que está sendo  divulgado. Convidar as pessoas para ouvirem o evangelho é normal. Agora chamar as pessoas  para vir a igreja dos milagres ou a igreja salvadora como o único meio de salvação é propaganda e na maioria dos casos propaganda enganosa movida a religiosidade, e isso tem de sobra, é só pesquisar na internet,  quem ainda não viu foi porque não quis. Muitos destes são os fariseus dos tempos modernos, quem conhece a história dos fariseus na bíblia vai entender muito bem do que estou falando.

Veja bem que Jesus, os apóstolos e os discípulos não tinham igreja para divulgar., eles andavam pregando o evangelho do reino, reuniam pessoas para congregar em nome do Senhor e não debaixo duma placa e saiam divulgando como a igreja verdadeira e o templo dos milagres onde a honra vai para a placa.

Parte do que vemos por aí não tem nada haver. Existe sempre uma segunda intenção por trás, financeiro, promoção pessoal e encher a igreja de gente a qualquer custa.Os discípulos já tinham a certeza que não iriam se enriquecer e nem receber bens e nada em troca do trabalho que eles faziam para o evangelho, eles sabiam que a recompensa deles seria espiritual e não material, seria celestial e não terreno.

Pela árvores se conhece o fruto, avalie tudo para ver se está em conformidade com a bíblia e a intenção da tal igreja.

Autor:Edinilson Aparecido







Pesquisar este blog